Calcanhar-de-aquiles

Desde que me entendo por gente, ouço a expressão calcanhar-de-aquiles e a sua acepção, mas, para grande parte da população, esta informação só teve sentido com o lançamento do filme Tróia, baseado na obra literária Ilíada, de Homero. Para quem não conhece, vou contar um pedacinho da história: a mãe de Aquiles, interpretado pelo ridículo do Brad Pitt (dor-de-cotovelo!), banhou o seu filho nas águas de um lago encantado para torná-lo invulnerável, e conseguiu, mas precisou segurá-lo pelo calcanhar para poder puxá-lo de volta. Assim, esta parte ficou sem proteção. Vencedor de muitas batalhas, Aquiles só morreu depois que Páris o atingiu no calcanhar, com uma flecha envenenada, durante a guerra de Tróia. Daí surgiu a expressão calcanhar-de-aquiles, que significa o ponto fraco de alguém. Então eu me pergunto: qual será o calcanhar-de-aquiles das pessoas? Bem, dos homens em geral eu já sei.

Outro dia, eu estava de bobeira no shopping com um amigo, quando uma garota nos disse "oi" com um grande sorriso. Imediatamente sorrimos e respondemos a ela completamente solícitos. Meu colega se adiantou e começou a conversar. Quase comprou uma assinatura de jornal! Essas vendedoras têm uma lábia, não acham?! Ainda mais por serem mulheres!

Meus amigos, elas já descobriram: é só falarem macio que lhes damos o mundo!

É incrível como somos bobos! O negócio de pedir para abrir o pote da maionese já não basta. Hoje elas querem tudo, desde que coloquemos seus nomes no trabalho da faculdade sem terem feito p... nenhuma, passando por um descontinho no conserto do motor do carro, até entrar de graça nos barezinhos e danceterias. Geralmente a conversa mole se dá com os seguranças, coitados!

E quando o pneu do carro delas fura? Elas trocam? Não! Os pobres portadores de testosterona não podem ouvir um "ai, meu Deus!" com uma voz mais fininha que já vão logo fazendo o trabalho braçal. Como somos mulas!

Entretanto acabam encontrando alguns que resistem ao seu papinho macio. Elas se deixam desistir? Não mesmo! Nesses casos, recorrem a um artifício mais poderoso: um decotão! O cara fixa seu olhar nos olhos da garota, conversa normalmente e tenta, a todo custo, não visualizar a arma secreta. Não adianta. A olhadela básica acontece e a resistência do rapaz desaparece completamente. Mágica? Talvez!

Pois é! Com todos os indícios citados, os não citados e os ainda por citar, acredito indubitavelmente que somos o sexo frágil. Mas não sejamos injustos. Não podemos condenar todos os espécimes femininos. Existem as garotas inocentes (bem poucas!) que usam decotes porque gostam do modelo da blusinha. Infelizmente, nós, machos, por intermédio de nosso instinto, não conseguimos distinguir os seios de uma garota gostosa dos seios das nossas amigas gostosas. Às vezes, rola um respeito (desculpem o trocadilho!) tão grande para com a amiga que o simples fato da olhadela causa-nos um constrangimento imenso. Ficamos muito sem graça quando isso acontece, mas, o que fazer? Os negócios estão ali, não estão?

Concluo este desabafo dizendo que o ponto fraco do homem não é o calcanhar-de-aquiles, e sim, o busto-de-helena, afinal não foi ele que desencadeou a guerra de Tróia?


================================
Quer receber as crônicas do TOQUES PARA MULHERES diretamente em seu e-mail?
Basta cadastrá-lo no canto superior esquerdo deste site, na parte
RECEBA NOVIDADES DO BLOG

20 comentários:

Crie e Customize - Por Camilla Leitte disse...

Ri muitoo, parabéns!!!

Carol Aliengirl disse...

Muito interessante esse post, e ainda é só o primeiro..que venham os outros! Beijos

Ren DeVille disse...

Edson, eu amei! Me diverti horrores com este texto.

Ah! Geralmente, quando você vai trabalhar numa empresa grande, eles te dão um curso muito interessante de como atrair e conquistar a simpatia dos clientes, hahaha. Tive que fazer um e foi tãão legal.

Cada coisa que eu aprendi :D

Blyef disse...

Pq eu me ofenderia com [s]meias[/s] verdades inteiras? rsrsrs

Muito bem escrito e colocado, finalmente alguém que reconhece a fragilidade do sexo msculino rsrsrs... Mas esqueceram algo... Nós, mulheres, todo mês enfrentamos dores que vocês prefeririam morrer para não sentir... Aguardo um post falando do "sexo forte" que somos também, e não apenas perigosas e angelicais rsrs

Beijão, Edson, Muito bom!

Lisandra Coelho disse...

Achei muito simpático seu primeiro 'desabafo', Edson! Estou ansiosa para acompanhar os demais :)

Rossandro Laurindo disse...

Sem falar que elas pagam meia ou entram de graça em shows e/ou espetáculos!!! Por favor!

Muito criativo e cômico a Crônica! Parabéns, Edson.
Abraços Amigáveis

Vanessa Rodrigues disse...

Bom, não posso dizer que concordo, tão pouco que discordo da reflexão do amigo, afinal foi tão detalhada, bem humorada e esclarecedora. Que não vejo outra saída que não dar o braço a torcer!!!
Você está certo, mulher é um bicho tinhoso, aproveitador, oportunista e delicadamente incomparável.
Ao tentarem executar seu trabalho, são obrigadas a suportar meia dúzia de babões que acreditam que seriam abordados por uma mulher tão linda quanto ela para outra coisa que não fosse a proposta de assinatura de um jornal.
Pela falta de força, são sujeitadas a pedir ajuda a homens mal intencionados, quando o pneu do carro fura na hora do almoço, justo naquele pequeno intervalo onde tem que pegar os filhos na creche, voar para casa e ainda preparar a comida do marido.
Correm risco de morte diariamente enquanto preparam um simples café da manhã e descobrem que os potes de maionese e cereais, foram feitos para uso pessoal do robocop, único capaz de abrir aquelas tampas chumbadas que só um facão de cortar coco pode solucionar o problema. E ainda se vêem obrigadas a lerem e comentarem os blogs daqueles amigos safados que perecem que não mamaram no peito, que ficam reparando e comentando sobre um pequeno decote de uma blusa calorenta que são obrigadas a usar, enquanto os folgados andam sem camisa pela rua...
Francamente mulher é um bicho muito estranho... rs
rs... Amei conhecer o seu blog,
Beijos,
Vanessa Rodrigues.

Marina Avila disse...

Hahahaha
O fechamento do texto foi fantástico.

~*Liah*~ disse...

E dá-lhe Vanessa!!!

Debora disse...

Edson, seu blog é fantástico, agora não se sinta culpado quando não resistir uma olhadela no decote das amigas, só toma cuidado caso elas estejam acompanhadas... rs. To mando o link do seu blog pras meninas que conheço.
beijos

Flávio Silva disse...

Confesso que no começo achava que calcanhar-de-aquiles do homens era outra coisa, mas prefiro não comentar (não é isso que você está pensando). Pois bem, eu ainda não cheguei a esse ponto de ser mula, quem sabe um dia. Mas conheconheço homens que, se uma mulher gostoza pedir para abrir a boca porque ela está aperta, capaz de abrir e pedir para fazer mais até ficar sequinha...kkkkkkkkkk

Renatinha Araújo disse...

Muito boa a crônica, Rossatto!
Ri bastante!

Mas creio que a mulher tenha que ser "gostosa".
Essa lábia toda e até mesmo roupa sexy não funciona com as "desprovidas de beleza"...

Por exemplo, já vi homem em ônibus LOTADO dar sua vaga para uma mulher gostosona, em vez de dar para a idosa que estava em pé ao seu lado.

Quanto cavalheirismo! rs...

Beijos!

Girlane disse...

Nossa, vc escreve muito bem. (:
inteligencia sagaz, com toques humoristicos!
Parabens!

Bjinho.

Tauan disse...

Não dá para comentar nada, ainda estou pensado nesse busto-de-helena que está aí...

Natali disse...

E as mulheres que não foram agraciadas com o busto-de-Helena, apelam para o sorriso, jogada de cabelos, olhares e uma voz suave...que vida bandida! kkkk

Mônica B. disse...

Hahahahahah e o das mulheres??

Ana Luiza Rosa disse...

Haha eu achei que esse port ia começar falando dos calcanhares das mulheres, juro! xD
É engraçado esse assunto de os homens olharem mesmo, já que muitas mulheres usam roupas propositais, mais acho que ainda fica mais "chamativo"(não da forma ruim rs), quando a mulher usa a roupa na inocência, sem saber no que isso vai lhe causar, e os olhares incertos e constrangedores dos homens, principalmente os amigos.

Nahimana C. disse...

Rsrs, adorei a conclusão sobre o "busto-de-Helena", mas, ei, não culpe todas as mulheres por causa de umas e outras que usam seus "dotes" para conseguir vantagens. Eu mal tenho dotes para mostrar e nem lábia para alguém cair nela, não é legal me sentir parte da parcela que tem e faz uso =/.

Marcia disse...

hahaha, excelente.

Confesso que não tenho os dotes de "Helena", mas mando bem quando preciso de algo kkkk

Anna disse...

Adorei rsrs!!!!!
Se quiser de uma olhada:
http://fantasticafabricadeanna.blogspot.com/

Sorte sempre!

Postar um comentário